Horário de verão

Sairá publicado no Diário Oficial da União (DOU), edição da próxima segunda-feira (18), ato assinado pelo presidente Michel Temer que encurtará o horário de verão a partir do ano que vem. Em 2018, o horário de verão valerá “a partir de zero hora do primeiro domingo do mês de novembro de cada ano”, e não a partir do terceiro domingo de outubro, como é hoje. A medida encurta em 15 dias a duração do período.

Veja mais

Tiroteio no Fórum

O prédio do Fórum de Marau, cidade do interior do estado do Rio Grande do Sul, foi alvejado por diversos tiros. Ninguém ficou ferido, mas todas as atividades foram suspensas. O atentado foi realizado na última terça-feira (12). Marau tem 40 mil habitantes e fica a 30 km de Passo Fundo.

Veja mais

Coronel perde patente

O Superior Tribunal Militar decretou a perda do posto e da patente de um coronel do Exército, que já havia sido condenado, no próprio Tribunal, a mais de dez anos de reclusão, por estelionato. A Constituição Federal determina que após condenação criminal por mais de dois anos, o oficial das Forças Armadas deverá sofrer um processo denominado de Representação para Declaração de Indignidade/Incompatibilidade para com o Oficialato, que é proposta pelo Ministério Público Militar.

Veja mais

Schiefler no CNJ

O juiz catarinense Márcio Schiefler Fontes, de 37 anos e natural de Florianópolis, um dos novos valores da justiça brasileira, está atuando há quase dois meses como conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Schiefler Fontes, oriundo do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), atuou até o início do ano como juiz auxiliar do…

Veja mais

Chico Mendes 7.3

Se fosse vivo o sindicalista Francisco Alves Mendes Filho, mais conhecido como Chico Mendes, iria completar hoje (15) 73 anos. Nascido no município acreano de Xapuri, Chico Mendes seringueiro, sindicalista e ambientalista. Lutou a favor dos seringueiros da Bacia Amazônica, cuja subsistência dependia da preservação da floresta e das seringueiras nativas. Seu ativismo lhe trouxe reconhecimento internacional, ao mesmo tempo em que provocou a ira dos grandes fazendeiros locais.

Veja mais

Fotografia devastadora

O Ministério Público do Rio entregou, hoje (15), a 11 homenageados o Colar do Mérito, a maior honraria do órgão. No evento, que discutiu o momento atual do Brasil, o ministro do Supremo Tribunal Federal Luis Roberto Barroso afirmou que a fotografia do atual momento do Brasil é “devastadora”, principalmente na questão da corrupção. No entanto, ele se diz otimista.

Veja mais

Lavagem com bitcoins

Um tribunal de Nova York acusou uma mulher de 27 anos de lavagem de dinheiro com bitcoins e outras criptomoedas para financiar o grupo terrorista Estado Islâmico (EI). Zoobia Shanaz foi detida e prestará depoimento em breve à juíza Kathleen Tomlinson para a leitura formal das cinco acusações que recebeu. A pena máxima, neste caso,…

Veja mais

Justiça nos presídios

Idealizadora e coordenadora do programa Justiça Cidadã, a desembargadora Tereza Cristina Gaulia aposta que o portal Portal do Grupo de Monitoramento e Fiscalização (GMF) do Sistema Carcerário do Rio de Janeiro dará visibilidade à realidade vivida pela população carcerária do estado.

Veja mais

Dados carcerários do Rio

Cerca de 40% dos 51 mil presos do Rio de Janeiro estão na faixa etária entre 22 e 29 anos, representando quase 20 mil pessoas que poderiam estar no mercado de trabalho. Entre os detentos mais idosos, são computados 15 presos com 80 ou mais anos de idade. Entre os menores infratores internados ou em regime de semiliberdade, aproximadamente 80% abandonaram a escola antes do ato infracional.

Veja mais

Paraquedista no Maracanã

O torcedor Gustavo Areias, que usou um paraquedas para descer no gramado do Estádio do Maracanã antes da decisão da Copa Sul-Americana entre Flamengo e Independiente (ARG), foi acusado pelo crime de provocação de tumulto. Ele aceitou participar de transação penal e pagou multa de R$ 10 mil. A decisão foi do Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos. O torcedor foi detido por seguranças no gramado do estádio e levado ao juizado. O ato foi considerado uma invasão e enquadrado no Estatuto do Torcedor.

Veja mais