Golpe da Energia

O Juízo da Vara Criminal da Comarca de Plácido de Castro (AC) condenou R. da S. A. a prestar serviços à comunidade, por oito horas semanais pelo tempo da pena aplicada (dois anos, cinco meses e cinco dias de condenação), em função do réu ter praticado o crime de estelionato, por três vezes, sendo que uma delas na forma tentada. De acordo com os autos, R. da S.A. se passava por um funcionário da companhia que fornece eletricidade no Acre para obter vantagem financeira das vítimas.

Veja mais

Acabou o casamento

A Polícia Civil de Brasília desmascarou a farsa armada pelo vendedor Valdenir Freitas de Araújo, de 39 anos. Ele homem procurou a corporação no final de semana e informou que havia sido extorquido por três homens, na última sexta-feira (10), em um cruzamento próximo a um posto de gasolina no Setor Industrial de Taguatinga e levado para a região de Ceilândia.

Veja mais

Tia Eron !!!

Os destinos da República nas mãos da “Tia Eron”. É praticamente o fim dos tempos! O comentário é do advogado Luiz Fernando Pereira que há pouco mais de um mês entregou à defesa de Michel Temer parecer dizendo que nada que viesse a ser revelado sobre a campanha poderia ser objeto da ação do TSE.…

Veja mais

Quadrilha barulhenta

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Mossoró, emitiu Recomendação a fim de evitar poluição sonora durante a realização do festival de quadrilhas juninas, que integra a programação do Mossoró Cidade Junina.

Veja mais

Fifa e Inter na justiça

O Ministério Público ingressou com ação civil pública contra a Fédération Internationale de Football Association (Fifa) e o Sport Club Internacional requerendo o ressarcimento aos cofres do Estado de R$ 22.128.316,53, referentes a gastos com as estruturas temporárias no Estádio Beira-Rio durante a Copa do Mundo de 2014.

Veja mais

Fraude na Aerobancos

A Coordenadoria de Combate à Sonegação Fiscal (COESF) do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro denunciou os empresários Hamilton Amarante Carvalho e Vicente Oliveros Perez por fraude em mais de R$ 2 milhões do Imposto sobre Circulação de Mercadorias (ICMS). À frente da empresa Aerobarcos do Brasil Transportes Marítmos e Turismo S.A., eles fraudaram a fiscalização tributária por 24 vezes entre janeiro de 2002 e maio de 2004.

Veja mais

Sonegação na funerária

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da Coordenadoria de Combate à Sonegação Fiscal (Coesf), denunciou os engenheiros Herman Maria Ferdinand Olaerts e Wendell Willis Jones; o advogado Paulo Cesar Gonçalves Simões; e a economista Mary Theresa Erwind Coelho, administradores da funerária FMB Inc. & Cia., por sonegação fiscal.

Veja mais

Vivo condenada

A Telefônica Brasil S/A (Vivo) foi condenada a pagar indenização por danos morais no valor de R$ 12 mil a uma cliente que foi xingada por funcionária da central telefônica de atendimento. A decisão é do juiz Rômulo Vasconcelos de Albuquerque, da Comarca de Água Branca (Alagoas).

Veja mais