Um cliente receberá indenização no valor de R$ 10 mil, por danos morais, e R$ 2 mil, por danos materiais, por ter sofrido um golpe dentro da loja Casas Bahia, no centro do Rio. A decisão é da 24ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

A vítima comprou um celular vendido por um homem uniformizado com logotipo da empresa. Após o pagamento em dinheiro, o falso funcionário disse que iria emitir a nota fiscal e desapareceu. Em sua decisão, a desembargadora relatora observou que o criminoso circulava livremente pelo interior da loja e que o próprio gerente admitiu que o golpe é conhecido na região.