Os desembargadores da 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio vão julgar hoje (30) o recurso do antiquário João Pedrosa contra decisão em 1ª instância que o condenou a indenizar em R$ 25 mil à família do cantor e compositor Chico Buarque.

A ação na 25ª Vara Cível da Capital foi ajuizada depois do comentário ofensivo do réu na conta do Instagram da filha de Chico, Sílvia Buarque de Holanda. Segundo a denúncia, João Pedrosa comentou: “Família de canalhas!!! Que orgulho de ser ladrão!!!

Na sentença, o réu foi condenado ao pagamento por danos morais no valor de R$ 5 mil a cada membro da família Buarque de Hollanda: Francisco, Marieta, Sílvia, Helena e Luisa, além de providenciar a publicação da decisão nos jornais O Globo e Folha de S. Paulo. Chico Buarque também recorreu do valor, pedindo que a quantia para cada um fosse corrigida para R$ 93,7 mil.