Fórmula simples, rápida e eficiente

Existem diferentes maneiras de cobrar uma dívida. A forma mais simples, rápida e eficiente é utilizar os cartórios de protesto: basta preencher um formulário online e apresentar os documentos que comprovam a existência do débito. O custo é mais baixo e o alcance, maior – o sistema encontra pessoas físicas e jurídicas em qualquer lugar do país e agiliza a cobrança, segundo matéria publicada na revista Exame.

Energia solar

O juiz Jonas Nunes Resende, da comarca de Ceres (GO), condenou a empresa G2 Security Eletrônica Ltda ME, Moisés Ferreira da Silva, Valderleide Basílio da Nóbrega e Luís Gomes Correia, de forma solidária, a indenizarem Márcio Luis Mendonça, pela falta de entrega e instalação de um Kit de energia solar. Ele vai receber R$ 29,7 mil por danos materiais e R$ 10 mil por danos morais.

Justiça Inclusiva

A Justiça Federal no Rio Grande do Norte lançou mais um projeto inédito voltado para integração da instituição com a comunidade. Justiça Inclusiva esse é o nome do programa a partir do qual serão desenvolvidas ações de incentivo e promoção a inclusão.

Doar É Legal

Desde maio de 2009, o projeto Doar É Legal destina-se a conscientizar a sociedade sobre a importância de doar órgãos. Consiste na emissão de certidão (sem validade jurídica) que atesta a vontade de voluntários em se tornarem doadores de órgãos, servindo sobretudo para que familiares fiquem cientes da intenção de ser doador. A adesão à campanha pode ser feita pelo site do TJRS. Basta preencher um formulário virtual e, após a confirmação, a certidão será gerada. Para outras informações sobre a iniciativa, acesse: Doar É Legal.

Tenente do Bope

O tenente do Batalhão de Operações Especiais (Bope), Josemar Farias, foi preso durante a Operação Sicário, da Polícia Civil do Acre. A Polícia Militar (PM) divulgou uma nota, após a ação, informando que Farias se apresentou voluntariamente para o cumprimento do mandado de prisão.

Barão de Mauá

O presidente do Tribunal de Justiça do Rio, desembargador Milton Fernandes de Souza e o governador do Estado do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles assinaram, no Palácio Guanabara, Termo de Compromisso de Cessão de Uso de Áreas para utilização da área do prédio Barão de Mauá, onde funcionava a antiga estação da Leopoldina. A área será utilizada para instalação dos serviços administrativos do Poder Judiciário.

Formação de Sargentos

Representantes do Comando Geral da Polícia Militar e da Associação dos Praças de Santa Catarina (Aprasc), reunidos no Fórum Eduardo Luz, entraram em acordo e o Curso de Formação de Sargentos, suspenso por ordem judicial, terá início ainda este ano. A reunião de conciliação foi convocada e presidida pelo juiz Marcelo Pons Meirelles, titular da Vara de Direito Militar da comarca da capital.

Desvio de recursos

Dacio Campos, ex-comentarista de tênis do SporTV, e Jorge Lacerda, ex-presidente da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), foram condenados a quatro anos de prisão em processo que investiga desvios de recursos da Lei do Incentivo ao Esporte.