Ajufe e PF

O presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Roberto Veloso, fez uma visita de cortesia ao novo diretor geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia. Na oportunidade, o presidente da Ajufe conversou com o novo diretor sobre os desafios do cargo que será assumido, dentre eles a condução das operações da Polícia Federal em curso no Brasil.

Tatuagem na Marinha

O juiz federal João Carlos Mayer Soares, na 17ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (16) que a Marinha deve promover a inscrição de um aluno que passou em todas as fases do concurso, mas que havia sido vetado por ter uma tatuagem, no antebraço. O juiz considerou a desclassificação como “ilegal, arbitrária e preconceituosa”. O aluno é um dos participantes no Concurso de Admissão ao Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais (C-FSD-FN) para as Turmas I e II/2018, cujo Edital de Convocação foi publicado no Diário Oficial da União em fevereiro deste anos de 2017. Ele foi considerado apto em 31 de agosto, mas desclassificado em edital de retificação de 13 de setembro de 2017. A causa foi ganha pela advogada brasiliense Daniela Tamanini.

Delação premiada

Da advogada brasiliense Daniela Tamanini em sua página no Facebook: “Há quem defenda que o acordo de colaboração premiada firmado pelo Delegado implicaria permissão de que a polícia faça oferta que não poderá honrar, por não ter a titularidade do direito, criando situação que deixaria o indivíduo interessado ao negócio jurídico desprotegido, na medida em que o ato também funciona como técnica defensiva dos interesses do réu ou investigado.

Sem pedágio

Auditores fiscais do trabalho não pagam pedágio se estiverem no exercício da sua função. Por isso, a 2ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho condenou uma concessionária de rodovias que impediu um profissional de passar por um pedágio sem pagar.

Eleição no Vasco

O candidato de oposição do Vasco, Julio Brant, conseguiu hoje (16) na Justiça uma liminar que desconsidera os votos da polêmica urna 7 nas eleições para a presidência do clube, realizadas no início do mês. Com a decisão da juíza Maria Cecília Pinto Gonçalves, da 52ª Vara Cívil do Rio de Janeiro, Brant passa a…

Morta por engano

Uma brasileira morreu após ser baleada no pescoço, pela polícia, na madrugada dessa quarta-feira (15) em Lisboa. De acordo com a imprensa local, a mulher de 36 anos foi identificada como Ivanice Carvalho da Costa.

Sermão dos Peixes

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (16) a Operação Pegadores, quinta fase da Operação Sermão aos Peixes, chamada de Pegadores, que apura indícios de desvio de recursos públicos federais, em contratos de gestão e termos de parceria entre o governo do Maranhão, chefiado por Flávio Dino (PCdoB), e organizações do terceiro setor.

“Auxílio-peru”

Enquanto 221.604 servidores e aposentados do Rio de Janeiro ainda aguardam o pagamento do salário de setembro, o Tribunal de Justiça do Estado depositou R$ 2.000 a servidores a título de abono de Natal. O benefício, conhecido como “auxílio-peru”, foi criado em 2007 e é pago a todos os servidores e inativos do Judiciário, que…

Ministro agressor

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, denunciou perante o Supremo Tribunal Federal (STF) o ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Admar Gonzaga por lesão corporal resultante de violência doméstica contra a mulher, Élida Souza Matos.

Empresário condenado

O Tribunal do Júri de Taguatinga, no Distrito Federal, condenou o empresário Nenê Constantino, de 86 anos, ex-dono da Gol Linhas Aéreas, a 13 anos de prisão. Ele foi considerado culpado pelo assassinato de Tarcísio Gomes Ferreira, um ex-funcionário seu, em 2001.