Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

Ordem do Rio Branco

O presidente do Superior Tribunal Militar (STM), ministro José Coêlho Ferreira, foi homenageado com a medalha da Ordem de Rio Branco. A cerimônia ocorreu por ocasião do Dia do Diplomata, no Palácio Itamaraty, e contou com a presença do presidente Michel Temer e do ministro Aloysio Nunes Ferreira.

Só falta ser decano

Desde que foi nomeado pelo então presidente Fernando Collor de Mello, em maio de 1990, para integrar uma das onze vagas no STF o ministro Marco Aurélio Mello já exerceu todas as vagas de direção na mais importante Corte de justiça do país. O único cargo que falta ocupar é o de decano do tribunal, atualmente da responsabilidade seu colega Celso de Mello.

Nomeações no STF

O Presidente da República que for eleito nas eleições de outubro próximo irá nomear dois ministros para o Supremo Tribunal Federal (STF): o atual decano Celso de Mello e o vice-decano Marco Aurélio Mello. Ambos completarão 75 anos durante o mandato e atingirão a idade-limite para permanência no serviço ativo.

Eleição no TJ mineiro

Será na amanhã (23) a eleição para os cargos de presidente, 1º, 2° e 3° vice-presidentes, corregedor-geral de justiça e vice-corregedor-geral de justiça do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). A eleição acontece no Auditório do Tribunal Pleno. Haverá eleição também para membro do Órgão Especial.

Mandato dos senadores

Oitenta e um é o número total de Senadores, sendo que cada um dos 26 estados mais o Distrito Federal elege 3 Senadores cada. O tempo de mandato de um Senador é de 8 anos, porém existem eleições para o cargo de quatro em quatro ano, onde alternadamente renovam-se as cadeiras por um e dois…

Mandato dos governadores

Nas eleições 2018, serão eleitos os Governadores das 27 unidades federativas do Brasil (26 estados e o Distrito Federal), todos com mandato de quatro anos, iniciando em 2019 e finalizando em 2022 como acontece com o cargo do Presidente da República.