Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

Corte de ponto

O Supremo Tribunal Federal (STF) considerou legítima hoje (27) a possibilidade de órgãos públicos cortarem o salário de servidores em greve desde o início da paralisação. Não poderá haver o corte nos casos em que a greve for provocada por conduta ilegal do órgão público, como, por exemplo, o atraso no pagamento dos salários. Com…

Deputado preso

O desembargador federal Ney Bello, do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, determinou a prisão do deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), Jalser Renier (SD). De acordo com a decisão, Renier deve ser “recolhido à penitenciária existente no estado de Roraima”.

Deputado x atriz

Por meio de suas redes sociais, o deputado federal Pedro Vilela (PSDB), rebateu a nota que foi divulgada pela atriz Alexia Dechamps após a confusão envolvendo os dois na Câmara de Deputados. Dechamps mandou parlamentares nordestinos calarem a boca porque já pagava o Bolsa Família para a região. O deputado alagoano reagiu de pronto e recriminou a fala da atriz. Afirmou ainda que tomaria as medidas cabíveis.

Domingo tem eleição

O segundo turno das eleições municipais, no domingo (30), será realizado em 57 cidades de 20 estados, de acordo com dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A situação do município de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, foi definida hoje (27) pelo TSE, que deferiu o registro do candidato confirmando o segundo turno.

Eleição dos EUA

Dois ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki e Gilmar Mendes, que também preside o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foram convidados por uma instituição dos Estados Unidos, a International Foundation for Electoral Systems (Ifes), para irem a Washington acompanhar o andamento das eleições presidenciais do país, que ocorrem dia 8 de novembro.

Juízes contra Renan

Um grupo de cinco juízes entregou hoje (27) uma representação contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), à Secretaria Geral da Mesa da Casa. Os magistrados querem que a conduta de Calheiros em relação ao juiz federal Vallisney de Souza seja avaliada pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar e sejam adotadas as “sanções cabíveis”.

Cubana vai ficar

A poucos dias de retornar a seu país contra sua vontade, a cubana A. conseguiu na Justiça o direito de permanecer no Brasil e continuar trabalhando no Mais Médicos. A 20ª Vara Federal do Distrito Federal, em decisão inédita, determinou que o Ministério da Saúde renove diretamente o contrato com a profissional nas mesmas condições…

O ‘juizeco’ que preocupa Renan

Chamado de “juizeco” pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o juiz titular da 10ª Vara Federal do DF, Vallisney de Souza Oliveira, 51, está na Justiça Federal do Distrito Federal há dez anos. Foi ou é responsável por casos de grande repercussão, como as operações Zelotes e Greenfield e um dos casos que envolve o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em conexão com a Lava Jato.

Médico brigão

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 3ª Promotoria de Justiça Criminal de Teresópolis, denunciou e requereu a prisão do médico Camilo de Souza Campos, acusado de violência doméstica e familiar contra a sua ex-namorada, com quem tem uma filha.

Unimed condenada

Transitou em julgado o processo movido pelo Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal (MPT-DF) que resultou na condenação da Unimed Brasília Cooperativa de Trabalho Médico por terceirização ilícita. O valor total da condenação é de R$ 159.134,86, a título de dano moral coletivo. A empresa tem de pagar o montante devido ou indicar bens à penhora. Se não cumprir a determinação, será inscrita no SPC/SERASA e incluída no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas.