Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

De olho na vaga

Um grupo de juristas e representantes de movimentos sociais estão no Palácio do Planalto neste momento para apresentar um manifesto com oito indicações para a vaga aberta no Supremo Tribunal Federal (STF), com a morte do ministro Teori Zavascki. Eles serão recebidos pelo assessor especial do presidente Michel Temer Rodrigo Rocha Loures. De acordo com auxiliares do presidente, Temer está disposto a ouvir sugestões “porque faz parte do processo democrático”, mas tem reforçado que a prerrogativa da escolha é única e exclusivamente dele.

Muito poder

O presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso, acredita que a opinião pública precisará ficar atenta à substituição do ministro Teori Zavascki como relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal. Com a morte de Teori, Veloso teme que quem o substituir possa segurar as investigações. “Dependendo de quem for escolhido para cuidar do caso, há risco sim para a Lava Jato”, afirma. Para Veloso, será dado um poder muito grande para quem assumir a tarefa. “Ele poderá barrar as investigações, se quiser”, diz. A entrevista foi concedida ao repórter Marcelo de Moraes e publicada na edição de hoje (23) do jornal O Estado de S.Paulo:

Rosa e Barroso

No dia da próxima eleição presidencial, em 2018, o TSE será presidido pela gaúcha Rosa Weber. A vice-presidência, que seria ocupada por Teori Zavascki, terá agora como titular Luis Roberto Barroso. O vogal será Luiz Fachin. Rosa será a primeira mulher que irá dirigir a Justiça Eleitoral em uma eleição presidencial. Cármen Lúcia foi a…

Presídio superlotado

A Seccional da OAB de Sergipe requereu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) a intervenção imediata do Complexo Penitenciário Dr Manoel Carvalho Neto (Copemcan), o maior de Sergipe, em virtude da superpopulação de presos e a possibilidade de ocorrer uma tragédia semelhante à ocorrida no Amazonas , Roraima e no Rio Grande do Norte. O processo (MS 51863) foi distribuído para o ex-presidente do STJ, ministro Francisco Falcão.

Liderança de presos

Em um período de apenas cinco anos, o Brasil deixou o quinto lugar para tomar a liderança no número de presos por habitante na América do Sul. Os dados são do Institute for Criminal Policy Research (Instituto de Pesquisa de Polícia Criminal, em tradução livre), ligado à Universidade de Londres e que mantém um banco de dados sobre população carcerária de todo o mundo.

Sério e honesto

O presidente da Ajufe (Associação dos Juízes Federais), Roberto Veloso, defendeu hoje (21), que o ministro Teori Zavascki, em Porto Alegre, que o seu substituto no Supremo Tribuna Federal (STF) seja um juiz federal de carreira. “A sua função no STF, como relator do rumoroso caso da Lava Jato, nos dava a tranquilidade para saber que o processo corria normalmente, sem qualquer sobressalto. O ministro era um homem culto, sério, honesto, cumpridor de seus devedores, muito trabalhador, muito preparado e conduzia esse processo como nenhum outro”, afirmou durante o velório em Porto Alegre.

Dos campos de futebol ao STF

Teori Zavascki passou pela roça, pelo seminário, pelos campos de futebol e por três cidades do Oeste de Santa Catarina até, bem mais tarde, se tornar o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e relator da Lava Jato. Na sua cidade natal, a pequena Faxinal dos Guedes, com cerca de 10 mil habitantes, sua morte significou a perda do filho mais ilustre do município e deixou familiares inconformados.

O alerta da OAB

A Ordem dos Advogados do Brasil em Sergipe (OAB/SE) ingressou com mais um pedido de interdição de presídio no Estado. O pedido feito ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) defende a interdição do Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), instalado em São Cristovão que, na ótica do presidente Henri Clay Andrade, apresenta uma superlotação preocupante. “Está na iminência de acontecer uma rebelião”, observou o presidente.

Velório no TRF

O advogado Francisco Prehn Zavascki, filho do ministro Teori Zavascki, morto nesta quinta-feira, 19, em um acidente aéreo em Paraty (RJ), afirmou que o velório do corpo do pai vai ser realizado na sede do Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região, em Porto Alegre, onde o ministro atuou como desembargador.

Aparelho de gravação

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) encontrou hoje (20) um aparelho de gravação de voz do avião que caiu ontem em Paraty e matou o ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, e outras quatro pessoas. Segundo informações do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), órgão da Aeronáutica…